Sacadas do AutoCAD: Diferença entre criar e escrever um bloco.

Fala gente bonita e gente feia, tudo bem com vocês? Bom, nas “Sacadas do AutoCAD” de hoje, eu vou ensinar a vocês a diferença entre escrever e criar um bloco. Primeiramente vamos entender o que é um bloco no AutoCAD, afinal, nem todo mundo é obrigado a saber esse tipo de informação.

Afinal, o que é um bloco?

No AutoCAD, um bloco é uma estrutura geométrica composta, onde é possível agrupar “vários desenhos” de qualquer tipo (line, polyline, circle, arc etc), dando a ele um nome e um ponto de inserção dentro do desenho. Por exemplo: eu quero por vários sofás em minha planta baixa, porém eu não quero ter que desenhar o mesmo sofá muitas vezes e quaro reaproveitá-lo em outras plantas futuras; Então, eu crio um bloco, em que desenharei uma vez só o sofá e, das próximas vezes que eu precisar dele, só utilizarei a ferramenta para inseri-lo. Isso facilita e muito a vida do projetista, uma vez que, não se necessita desenhar a mesma coisa diversas vezes (que é muito chato), economizando tempo na execução do desenho.

Agora que foi explicado o que é bloco…

Vamos à diferença entre escrever (COMANDO WRITE BLOCK) e criar (COMANDO CREATE BLOCK) um bloco no CAD. Bom, a diferença crucial entre esses dois comandos está na forma como esse bloco será armazenado. Só para esclarecer, ambos os comandos estão localizados na aba “Insert”, dentro do painel “Block Definition”.

imagem-1

No primeiro caso, com o COMANDO WRITE BLOCK, ao escrever o bloco no AutoCAD, você estará criando um arquivo, a parte do seu desenho, no seu computador. Isto é, no exemplo do sofá que eu usei acima, ao escrever o bloco sofá, quando acabar a planta baixa, eu terei o arquivo da planta baixa e um outro arquivo salvo onde eu destinar (de preferência tenha sempre uma biblioteca de blocos no seu computador, é muito útil!) somente com o sofá desenhado.

Já no segundo caso, com o COMANDO CREATE BLOCK, ao criar um bloco no AutoCAD, você estará criando-o apenas dentro do seu desenho. Ou seja, ainda analisando o exemplo acima, se eu apenas criar um bloco de sofá, ele só poderá ser usado dentro desse meu desenho. Se eu precisar desse bloco em outros desenhos, terei de abrir o arquivo em que criei o bloco e copiá-lo para o novo desenho desenvolvido.

Concluindo…

Do meu ponto de vista, os dois comandos são extremamente importantes, cada um em sua devida situação. Se você só precisa do bloco em um único arquivo, não há necessidade de guardá-lo em seu computador, certo? Entretanto, se você necessita desse bloco para desenvolver outros desenhos, se é algo que será muito usado, daí vale a pena tê-lo separado em um arquivo a parte, dentro de uma biblioteca.

Bom galera, a dica que eu tinha para dar hoje é essa! E se você ainda não é inscrito, inscreva-se no nosso Blog e receba as nossas atualizações, beleza? Agora, se você já é inscrito e tem alguma dúvida ou sugestão para as próximas sacadas, deixe aqui nos comentários, pois teremos o maior prazer em atendê-lo! Sua opinião é muito importante para a evolução do nosso conteúdo.

Até a próxima!

Amanda Lima.

 

0 Comentários

Deixe seu comentário.

SiteLock