PVC, PPR, PEX, CPVC… O que são todas essas siglas?!

Fala galera, tudo certo?! Bom, no post de hoje, vamos falar um pouco sobre alguns tipos de tubulações, existentes no mercado atual. Afinal, não existe apenas a tubulação de PVC para se executar uma instalação hidráulica. E, para escolhermos o melhor material a ser usado, muitos são os fatores a serem levados em conta, como: as características do projeto, o custo-benefício, a necessidade do cliente, a oferta do material naquela localidade… Então, vamos ver, a seguir, alguns desses materiais e suas características.

PPR – Polipropileno Copolímero Random

Principal indicação: Instalação hidráulica de água quente. Possui a temperatura de trabalho de 70°C, suportando até picos de 95°C.

Como se utiliza: Eles são tubos e conexões unidos por termofusão a 260°C. Dessa forma, esses elementos formam uma única tubulação, minimizando o risco de vazamentos na instalação. Para realizar a instalação, usa-se um termofusor. Esse equipamento esquentará a ponta dos tubos e a parte interna das conexões, para a fusão entre as mesmas.

Vantagem: Dispensa o uso de isolante térmico, como ocorre com o uso da tubulação de cobre, além do baixo risco de vazamentos.

PEX – Polietileno Reticulado Monocamada

Principal indicação: Instalação de água fria e, principalmente, água quente (70°C com picos de até 95°C), em locais que possuam paredes de Drywall, com diversos cômodos semelhantes.

Como se utiliza: Trata-se de um sistema de tubulação tipo mangueira, que é ligado a um módulo distribuidor, conectando tal tubulação aos tubos convencionais. As conexões usadas para esse tipo de tubulação são as metálicas (latão), tipo deslizantes.

Vantagem: Tal tubulação permite a confecção de curvas, diminuindo a necessidade de conexões na instalação.

CPVC – Policloreto de Vinila Clorado

Principal indicação: Por sua alta resistência à corrosão e mecânica, é um material indicado para a instalação de água quente, para temperaturas que cheguem até 70°C.

Como se utiliza: Sua instalação é executada com juntas soldáveis, utilizando adesivo. Entretanto, não se deve lixar os pontos de conexão.

Vantagem: Pela simplicidade de sua instalação, não se faz necessário mão de obra especializada, nem ferramentas especiais.

PVC – Policloreto de Vinila

As tubulações feitas desse tipo de material se subdividem em outras duas categorias: Os tubos de PVC para Água Fria e os tubos de PVC para Esgoto.

PVC para Água Fria

Principal indicação: São indicados para a condução de água fria, com a temperatura de até 20°C. Eles podem ser soldável ou roscável.

Como se utiliza: No caso de tubulação de PVC soldável, usa-se adesivo e solução limpadora para fazer a junção das peças. Lembrando que, deve-se lixar as pontas dos tubos e o interior das conexões, até o desaparecimento do brilho de sua superfície. E então, limpa-se as superfícies lixadas com a solução limpadora, aplica-se o adesivo, une-se os elementos, torcendo-os levemente.

Já no caso de tubulação de PVC roscável, usa-se a tarraxa para criar as roscas nas pontas dos tubos e fita veda-rosca para uni-los às conexões. Não se deve por fita em excesso ou apertar, demasiadamente, os elementos. Isso evita que os mesmos se quebrem.

Podemos encontra-los as tubulações nas seguintes dimensões: 20mm, 25mm, 32mm, 40mm, 50mm, 60mm, 75mm, 85mm e 110mm.

Vantagem: A mesma descrita no CPVC.

PVC para Esgoto

Principal indicação: Como o próprio título já sugere, esse tipo de tubulação é indicada para a coleta de esgoto. Eles se subdividem entre a série Normal e reforçada. Sendo que, a segunda é indicada para situações em que exija maior resistência a esforços mecânicos (como tubos de queda e subcoletores, por exemplo).

Como se utiliza: Ambas as séries são confeccionadas com suas conexões, contendo bolsas do tipo dupla atuação. Elas são encaixadas às tubulações por intermédio de anéis de borracha.

Vantagem: A mesma descrita no CPVC.

Concluindo…

Bom galera, por hoje é isso aí! Bem, se você gostou dessa postagem, compartilhe com suas redes de contato, propague a informação por aí! Afinal, sua dúvida pode ser a mesma que a de outras pessoas que você conheça. E se você ainda não é inscrito, inscreva-se no nosso Blog e receba as nossas atualizações, beleza?

Agora, se você já é inscrito e gostou ou não dessa postagem, ou tem alguma sugestão, deixe um feedback aqui embaixo. Sua opinião é muito importante para a evolução do nosso conteúdo.

Até a próxima!

Amanda Lima.

 

0 Comentários

Deixe seu comentário.