Por dentro dos canos: Acessórios e conexões de uma instalação hidráulica comum

Fala galera, tudo certo?! Bom, no post de hoje vim falar um pouco sobre os tipos de conexões e acessórios mais comuns, para os tubos de PVC, tanto em instalações de água fria, quanto em esgoto. Se você ainda não viu o post anterior, em que falei sobre a diferença entre alguns tipos dos materiais para instalações hidráulicas presentes no mercado atual, recomendo que clique aqui  e confira! Agora, sem enrolação, vamos ao que realmente interessa!

Para a realização da instalação dos sistemas de água fria e esgoto, é necessária a utilização de alguns acessórios e conexões, para unir as tubulações. Então com esse artigo, espero que você, caro estudante que não conhece quase nada de hidráulica, consiga entender o que são e para que servem aquelas pecinhas entre um tubo e outro!

Água Fria

Para conectar as tubulações de água fria, abaixo listamos algumas das principais conexões utilizadas:

:

Ele é usado para realizar a união ou encontro de tubos e conexões que estejam em direções perpendiculares (ou seja, em ângulo de 90°).

Joelho 90°:

Essa é a conexão usada para unir os tubos e conexões, que precisem formar uma curvatura ou desvio de 90°.

Joelho 45°:

Ele possui a mesma função que a conexão anterior, mudando apenas o ângulo formado.

Luvas:

Elas são conexões usadas para a realização de emendas entre a tubulação.

Esgoto

Já para o esgoto, dentre todas as peças existentes no mercado, eis aqui abaixo algumas das principais que listamos:

:

Assim como no caso da água fria, ele, aqui, também é usado para realizar a união ou encontro de tubos e conexões que estejam em direções perpendiculares (ou seja, em ângulo de 90°).

Joelho 90°:

Os joelhos 90° para esgoto também são usados para unir os tubos e conexões, que precisem formar uma curvatura ou desvio de 90°.

Joelho 45°:

Ele possui a mesma função que a conexão anterior, mudando apenas o ângulo formado.

Junção simples:

Essa conexão tem a função de unir tubos e conexões, coletando dois fluxos que se interliguem em ângulo de 45°.

Junção dupla:

Ela faz a união entre tubos e conexões, coletando três fluxos, sendo que os dois das extremidades se interligam ao do meio em ângulo de 45°.

Luva simples:

Conexão que possui duas bolsas, sendo que uma delas tem o alojamento para anel de borracha e a outra é soldável, tendo a função de realizar emenda entre os tubos.

Luva de correr:

Conexão usada para realizar reparos nas tubulações (emendas entre os tubos).

Cap:

É um acessório utilizado para fechar a extremidade de uma tubulação, impedindo a passagem de qualquer tipo de fluído pela mesma.

Ligação para saída do vaso sanitário:

Como o próprio nome já sugere, essa peça conecta o vaso à tubulação de esgoto

Redução Excêntrica:

Essa conexão é usada para fazer a transição entre uma tubulação de diâmetro grande, para outra de menor dimensão.

Sifão:

É a conexão responsável por ligar o ralo da pia com o restante da tubulação do esgoto. Ele impede que o cheiro ruim e os gases do encanamento retornem para o ambiente.

Tê de Inspeção:

É uma conexão usada para interligar dois tubos e criar um ponto de inspeção entre eles.

É muita caixa junta em um sistema!

Veja agora as diferenças entre os diferentes tipos de caixas existentes em um sistema de esgoto e entenda, para que cada uma delas serve:

Caixa de Inspeção:

Trata-se de um pequeno tanque usado para receber o esgoto das partes internas da residência e conduzi-lo até a rede externa. Através dela é possível realizar inspeções, caso aconteça possíveis problemas na tubulação.

Caixa de Gordura:

Também se trata de um pequeno tanque, usado para receber a água com gordura, proveniente de regiões como uma cozinha, por exemplo. Dentro dela, a gordura é “filtrada”, saindo da mesma apenas a água. Através dela, é possível também realizar inspeções na tubulação.

Caixa Sifonada:

Essa peça é instalada na parte interna da residência, como banheiros, lavabos e área de serviços. Ela recebe a água usada dos ramais de descarga e ralos, conduzindo-a para as caixas de passagem na parte externa da residência (caixa de passagem).

Caixa Seca:

Trata-se de uma peça usada para coletar a água do piso e conduzi-la para o restante da tubulação de esgoto. No seu fundo, ficam depositados eventuais sólidos presentes nessa água.

Concluindo…

Bom galera, por hoje é isso aí! Bem, se você gostou dessa postagem, compartilhe com suas redes de contato, propague a informação por aí! Afinal, sua dúvida pode ser a mesma que a de outras pessoas que você conheça. E se você ainda não é inscrito, inscreva-se no nosso Blog e receba as nossas atualizações, beleza?

Agora, se você já é inscrito e gostou ou não dessa postagem, ou tem alguma sugestão, deixe um feedback aqui embaixo. Sua opinião é muito importante para a evolução do nosso conteúdo.

Até a próxima!

Amanda Lima.

 

 

0 Comentários

Deixe seu comentário.