Instalações Elétricas: Curto-circuito… Vamos entendê-lo…

Fala galera, tudo certo?! Bom, nesse último post sobre instalações elétricas, resolvi falar sobre um tema fácil, mas que vi confundir muita gente dentro da faculdade… Sim, como já fora dito no título, daremos uma leve explicada sobre curto-circuito.

Afinal, quando você estuda física ou qualquer matéria básica sobre eletricidade, os professores falam MUUUUUUUITO sobre esse termo. Mas, mesmo assim, até hoje vejo alguns colegas de turma com um ponto de interrogação na cara, quando um professor invoca esse “menino” em um exercício.

O que é um curto-circuito?

Vamos a seguinte analogia: Digamos que a corrente elétrica é uma criança indo para a escola; Pois, muito bem. Essa criança tem duas opções de caminho: O primeiro, ela deverá atravessar três semáforos, andar duas quadras para chegar ao destino. No segundo, ela seguirá em linha reta, sem nenhuma interrupção no meio do percurso. Qual caminho você acha que a criança escolherá??????

Com a corrente dentro do circuito elétrico acontece a mesma coisa. (A preguiça de tomar o rumo mais fácil é a mesma kkkk). O curto-circuito nada mais é do que a corrente “pegando o caminho mais fácil” dentro do circuito. Isto é, aquele percurso que oferece menos resistência elétrica para ela circular.

O problema disso está nas consequências que isso causa no circuito. Isso porque, um curto-circuito causa superaquecimento no condutor, por onde a nossa corrente está passando. Esse superaquecimento pode gerar sérios acidentes na rede elétrica, danificando equipamentos ou, até mesmo, provocando incêndios.

(Quer saber mais sobre Instalações elétricas? Então, baixe agora nosso e-book clicando aqui!).

O que ocasiona tudo isso?

A principal causa de curtos-circuitos é a imprudência. Sabe aquele equipamento, que você liga com o cabo emendado, com a isolação bem feita “sqn”. Então… Provavelmente, já aconteceu com você ou algum conhecido, de ligar este equipamento, fazer um estouro e desarmar o disjuntor da sua casa. Pois bem, isso porque a isolação foi mal feita e tinham partes expostas dos condutores que, ao encostarem entre si, fecha um curto circuito.

Outra causa comum é a falta de manutenção na instalação elétrica. Afinal, tudo tem prazo de validade, inclusive os condutores de uma instalação. Quanto mais “velhos” os cabos e fios vão ficando, menos resistência eles terão. E, consequentemente, a probabilidade de curtos-circuitos aumentará. Então, de tempos em tempos, é legal pedir para um profissional habilitado realizar uma inspeção e manutenção em sua rede elétrica. A sociedade em geral (principalmente seus vizinhos) agradece!

Como identificamos um curto-circuito?

Já entrou em uma residência e sentiu um cheiro de cabo queimado, sem nenhuma explicação aparente?! Pois é, esse é um dos indícios de que a instalação elétrica pode estar em curto. (digo isso por experiência própria kkk)

Outro indício comum em locais com curto-circuito é a frequência queima de lâmpadas no mesmo ponto de luz, ou até mesmo a interrupção de energia, sem qualquer motivo, como dias de tempestade, por exemplo. Outra pista que curtos deixam na instalação são manchas pretas nas saídas das tomadas. Fique atento a esses sinais!

Quando os curtos-circuitos ocorrem, os disjuntores, existentes nas instalações elétricas, entram em ação. Numa falha na circulação de corrente elétrica no circuito, como um superaquecimento, o disjuntor desarma. Ao acontecer isso, ele interrompe a passagem de corrente elétrica pelo circuito. Esses dispositivos podem ser ligados novamente, diferentemente de fusíveis, que possuem a mesma função, porém estragam depois de uma interrupção.

Concluindo…

Bom galera, por hoje é isso aí! Bem, se você gostou dessa postagem, compartilhe com suas redes de contato, propague a informação por aí!

Afinal, sua dúvida pode ser a mesma que a de outras pessoas que você conheça. E se você ainda não é inscrito, inscreva-se no nosso Blog e receba as nossas atualizações, beleza?

Agora, se você já é inscrito e gostou ou não dessa postagem, ou tem alguma sugestão, deixe um feedback aqui embaixo. Sua opinião é muito importante para a evolução do nosso conteúdo.

Até a próxima!

Amanda Lima.

 

0 Comentários

Deixe seu comentário.