Explorando o NodeMcu – Enviando dados para o ThinkSpeak

Olá meus queridos caiçaras, tudo bem? No post de hoje, vamos falar sobre como enviar dados do seu ESP8266 para a nuvem, usando o serviço ThinkSpeak. Caso você não conheça o que é a plataforma NodeMcu, recomendo fortemente dar uma passadinha em nossa série de primeiros passos, clicando aqui.

Sem mais delongas, vamos ao nosso projeto de hoje, que serve de base para suas futuras implantações.

O que vamos fazer?

Bom, para este projeto, vamos utilizar um sensor de luminosidade (LDR) e plotaremos um gráfico no Thinkspeak , sendo possível  acompanhar o nível de luminosidade. Você pode também optar por um sensor de temperatura, ou um DHT11, por exemplo, que mede temperatura e umidade. Mas, para nosso artigo optei pelo LDR. O esquemático é bastante simples e você vai precisar de:

1 Protoboard;

1 LDR;

1 Resistor de 10kΩ;

Fios Jumpers.

Além da placa NodeMcu, é claro. A ligação do circuito é realizada, conforme imagem abaixo:

Antes de criar o sketch, é necessário criar uma conta no ThinkSpeak e verificar algumas informações importantes.

Preparando o ThinkSpeak

O Thinkspeak se trata de uma plataforma, que disponibiliza uma API, permitindo que dados sejam enviados e exibidos em forma gráfica.

Para isso, você precisa se cadastrar, através da seguinte URL: https://thingspeak.com/users/sign_up

A tela de cadastro é relativamente simples, onde você fornecerá alguns dados e… Pronto! Como qualquer cadastro, o procedimento é o mesmo. Sendo assim, não entrarei em detalhes de seu passo a passo.

Com o cadastro realizado, vamos criar um canal, para que seja exibido os dados enviados pelo sensor. Clique na opção (Canais > Meus Canais e por fim clique em New Channel).

Com isso, aparecerá uma tela, que preencheremos as seguintes informações:

  • Nome: defina o nome do canal;
  • Descrição: descreva a função do canal;
  • Campo: habilitaremos apenas o campo um para luminosidade;
  • As demais informações podem ser adicionadas caso queira. Mas, para nosso projeto deixaremos em branco.  Por fim, clique em Save Channel.

Aparecerá o status do canal, conforme imagem abaixo:

Agora vamos à parte mais importante: Consultar a API Key, para que possamos fazer a comunicação entre o ESP8266 e o ThinkSpeak. Para isso, clique na aba Chaves e copie o código da chave de escrita. Deixe salvo no bloco de notas, por exemplo.

Com o cadastro finalizado e a chave consultada, vamos ao sketch do NodeMcu.

Vamos ao código.

O sketch a seguir é bastante simples e faz a conexão entre o ESP8266 e a plataforma ThinkSpeak, para coleta de dados. Vale lembrar que, você deverá ter a IDE do Arduino configurada, para trabalhar com a placa de desenvolvimento NodeMcu. Caso não tenha, confira o seguinte artigo Primeiros Passos com NodeMcu – Começando a “blinkar”.

O código faz a conexão WiFi e envia, a cada 30 segundos, o valor lido pelo LDR ao ThinkSpeak. A plataforma não suporta ler dados a todo momento. Por conta disso, recomenda-se enviar informações em intervalos regulares de, no mínimo, 20 segundos.

Após compilar o sketch e enviar para sua placa, verifique o Monitor Serial do Arduino, que exibirá informações:

Agora, verifique a página do seu canal no ThinkSpeak e verá o gráfico sendo plotado… Bem bacana!

Para finalizar…

Bom galera, espero que tenham curtido o artigo! O ThinkSpeak é uma plataforma que vale a pena e muito ser explorada. Ele não só apenas plota gráficos, mas também possibilita o usuário tomar ações (em breve trarei mais artigos a respeito). Recomendo a você, fortemente, pesquisar mais sobre o assunto e deixar seus projetos ainda mais incríveis. Por fim, deixo o link do canal: https://thingspeak.com/channels/365174.

Gostou? Compartilhe e de seu feedback! Isso é fundamental para melhorarmos nosso conteúdo e produzir, ainda mais, artigos para ajudar mais e mais pessoas.

Muito obrigado e até a próxima!

Yhan Christian

0 Comentários

Deixe seu comentário.