Dia do Engenheiro: Data para celebrar mudanças no ensino de engenharia e o preparo de profissionais adequados aos desafios do futuro.

*Rivana Marino

Em 11 de dezembro é celebrado o Dia do Engenheiro, data que marca os 85 anos da regulamentação da profissão no Brasil. Durante esses anos, a área de engenharia passou por mudanças significativas, proporcionando, desde o século XX, grandes avanços tecnológicos para a sociedade e, consequentemente, influenciando muitos aspectos das vidas das pessoas. Os impactos da revolução digital, da conectividade e da comunicação, da automação e de novos sistemas produtivos, têm sido incorporados em nossas vidas sem que nós percebamos. Novas perspectivas de avanços surgem a partir da disponibilidade tecnológica. Acompanhar e ser agente desta revolução proporcionada pelas inovações e transformações tecnológicas exigem do engenheiro, além do conhecimento técnico multidisciplinar, criatividade com visões de futuro e o domínio do processo de inovação.

Para enfrentar os novos desafios do século XXI e desempenhar um papel de vanguarda na sociedade, sobretudo em setores vitais para a humanidade como mudanças climáticas, fontes alternativas de energia, produção de alimentos e medicamentos, as diversas áreas da Engenharia devem transformar-se em profissões abertas a novas fronteiras do conhecimento, integradoras e inovadoras.

De olho nessas tendências e com o objetivo de preparar os universitários de hoje para os desafios do futuro, o Centro Universitário FEI criou a Plataforma de Inovação, que permite uma verdadeira transformação organizacional e cultural na Instituição e possibilita a obtenção de níveis mais elevados de qualidade em sua missão de educar, gerar e difundir conhecimento.

Entre os métodos inovadores de ensino adotados pela FEI, estão as salas de aula para metodologias ativas, criatividade e trabalho em grupo, onde os alunos são protagonistas de seus aprendizados, sendo o professor um facilitador deste processo.

Além disso, o Centro Universitário FEI elaborou seus novos Programas Pedagógicos de Cursos – PPCs, com o objetivo de garantir que todas as disciplinas estejam interligadas e sejam complementares umas às outras, fazendo com que todos os alunos tenham contato com os conceitos de inovação e ferramentas que os auxiliem a pensar de forma criativa, estruturada e focada em resultados, entendendo melhor todo o ambiente de decisão e ação na geração de novas soluções.

Com tantas inovações tecnológicas surgindo rapidamente, é importante que todas as universidades se mantenham atentas às grandes problemáticas das próximas décadas, se posicionando de maneira proativa e se reinventando continuamente. Assim, garantiremos o desenvolvimento de profissionais tecnicamente aptos, com criatividade e autonomia para proporem soluções disruptivas para os desafios que o futuro nos prepara.

*Rivana Marino é vice-reitora do Centro Universitário FEI

Sobre Rivana Marino

Formada em Engenharia Química pela Faculdade de Engenharia Industrial no ano de 1983. Mestra e Doutora em Físico-Química pelo Instituto de Química da USP em 1990 e 1995, respectivamente. Pertence ao corpo docente da Instituição desde 1992, tendo chefiado o Departamento de Engenharia Química de 1999 a 2002. Exerce a função de Vice-Reitora de Extensão e Atividades Comunitárias do Centro Universitário da FEI desde 2002.

Sobre o Centro Universitário FEI

Com 77 anos de tradição, o Centro Universitário FEI é referência entre as instituições universitárias no Brasil, nas áreas de Administração, Ciência da Computação e Engenharia. A Instituição, com campus em São Bernardo do Campo e na capital paulista, já formou mais de 50 mil profissionais, entre engenheiros, administradores de empresas e profissionais da área de Ciência da Computação, muitos ocupando posições de liderança nas principais empresas do País.

Mantido pela Fundação Educacional Inaciana Pe. Sabóia de Medeiros, o Centro Universitário FEI integra a Rede Jesuíta de Educação e agrega marcas históricas de instituições de ensino de São Paulo: Faculdade de Engenharia Industrial, Escola Superior de Administração de Negócios e Faculdade de Informática.

Os cursos oferecidos são Administração, Ciência da Computação e Engenharia – habilitações em Engenharia Civil; Engenharia de Automação e Controle; Engenharia de Materiais; Engenharia de Produção; Engenharia Elétrica; Engenharia Mecânica e Engenharia Mecânica com ênfase Automobilística; Engenharia Têxtil; Engenharia Química e Engenharia de Robôs. Oferece ainda cursos de pós-graduação lato sensu nas áreas de Tecnologia e de Administração, entre outros; mestrado em Administração, Engenharia Elétrica, Mecânica e Química; e doutorado em Administração e Engenharia Elétrica.

Informações para a imprensa

Grupo CDI – Comunicação e Marketing

Daniel Generalli (11) 3817-7963 – daniel.generalli@cdicom.com.br
Bianca Tresca (11) 3817-7975 – bianca@cdicom.com.br
Jorge Valério (11) 3817-8002 – jorge@cdicom.com.br
Cláudia Santos (11) 3817-7925 – claudia@cdicom.com.br

0 Comentários

Deixe seu comentário.