Desmistificando: AutoCAD

Fala gente bonita e gente feia, tudo bem? Hoje meu foco será em você, lindo estudante de engenharia (qualquer que seja sua subárea), que se pergunta por que precisa aprender a utilizar esse programinha, que é a salvação para aqueles que o dominam e um verdadeiro pesadelo para aqueles que só o conhecem de nome: o AutoCAD!!! Posso falar por experiência própria que, quando você não sabe usar esse programa, ou está dando os primeiros passos no aprendizado sobre o mesmo, ele até parece um bicho de sete cabeças e mil olhos (no meu caso, a professora também não ajudava muito, mas isso nós deixamos em off). Porém, depois de algumas cabeçadas, muitas horas de dedicação e trabalhando constantemente com a ferramenta, esse programa se torna seu melhor amigo, tanto na faculdade quanto na sua vida profissional (ou pelo menos no começo de carreira)…

Desmistificando 1.2
Interface do clássico AutoCAD 2000. Fonte: Site construir.arq.br

Primeiramente, vamos conhecer um pouco desse software. O AutoCAD é um programa tipo CAD (Computer Aided Design) desenvolvido e vendido pela empresa Autodesk há mais ou menos 34 anos. Nele você, basicamente, consegue desenvolver desenhos em duas ou três dimensões, dependendo da versão instalada em seu computador. Tal software é amplamente usado pelos profissionais da construção civil, e outras áreas, para a elaboração de seus projetos. O mesmo é suportado nos sistemas Windows, Mac OS e algumas versões do UNIX. Eu comecei a fazer uso do AutoCAD em meados de 2009, quando fiz o curso técnico de edificações. Logo no primeiro semestre já fui apresentada (da pior forma possível) àquela ferramenta que, na época, virou meu principal desafeto e motivo de vários pesadelos. Eu odiava as aulas em que era obrigada a desenhar com o programa, mas isso só acontecia porque a professora não possuía paciência, nem didática. E tal fato criou um pequeno trauma nessa projetista aqui! Conforme passou o curso e o estágio que fiz, acabei aprendendo, aos trancos e barrancos, a mexer nesse programinha, entretanto ainda não gostava dele… Quando terminou o curso técnico, a última coisa da qual eu queria ver na minha frente era o AutoCAD… Porém, em todas as entrevistas que fiz depois de formada, a primeira pergunta que me faziam a respeito das minhas habilidades com softwares, era se eu sabia usar o AutoCAD.

Quando não, o teste prático para conseguir a vaga era justamente desenvolver uma planta qualquer no maldito programa! Ou seja, sem AutoCAD, sem oportunidade de emprego…

Interface do AutoCAD 2016 (que evolução, né?) Fonte: ASCENT Blog
Interface do AutoCAD 2016 (que evolução, né?)
Fonte: ASCENT Blog

Quando finalmente consegui uma oportunidade na área, emprego do qual permaneci por quase cinco anos, advinha quem era meu principal companheiro de trabalho? Sim, justamente o AutoCAD. Posso dizer que, de todas as atividades que executei lá dentro em todos os anos de trabalho, projetar no AutoCAD foi o que mais fiz durante todo esse tempo.

Claro que, para chegar ao nível de domínio que possuo hoje, eu fiz cursos por conta, pratiquei bastante, quebrei a cabeça, errei muito, pesquisei mais ainda… Eu transformei a minha dificuldade no meu principal desafio. Eu, como Técnica em Edificações, percebi que, se não aprendesse a utilizar tal programa, não conseguiria uma oportunidade no mercado de trabalho. E, atualmente como estudante de engenharia civil, eu sei que, o fato de dominar essa ferramenta, coloca-me numa posição favorável na disputa por uma vaga no mercado.

Muitas vagas para estágio de engenharia (principalmente a civil) consideram o profissional, que possui conhecimentos sobre AutoCAD, com um grande diferencial e sua chance de conseguir uma colocação é bem maior, do que seus concorrentes sem a mesma habilidade.

Além disso, já fui cobrada na própria faculdade por tal conhecimento no desenvolvimento de algumas atividades. Se não soubesse usar o programa, teria que pagar para alguém fazer o meu trabalho, ou fazê-lo manualmente, o que demandaria muito tempo (do qual eu não tinha).

Enfim galera, eu acredito que consegui demonstrar para vocês o porquê acho interessante e necessário um estudante de engenharia aprender a dominar o AutoCAD. Tal programa será extremamente útil para você, tanto profissional quanto academicamente.

Espero que essa postagem tenha te ajudado a entender a importância desse software e agregado algum valor aos seus conhecimentos. E se você possui alguma dúvida, ou tem alguma sugestão de tema para os próximos artigos, deixa um comentário logo abaixo, beleza?

Até a próxima!

Amanda Lima.

0 Comentários

Deixe seu comentário.